Olympus Trip 35 e Lady Grey: um belo casal

1

Qual não foi a surpresa: com a Olympus Trip 35 o filme Lomography Lady Grey despejou todo o seu contraste, pretos intensos, brancos cintilantes e várias faixas de cinza! As ótimas lentes e o também ótimo sistema de exposição automática da Olympus liberaram do Lady Grey todo o seu sabor! Um belo casal, certamente!

Iniciei na fotografia analógica com uma Zenit ET comprada em um antiquário. Belíssima câmera, mas ainda estou aprendendo a utilizá-la, afinal seus controles são todos manuais (leia o review aqui). Mas recentemente adquiri uma Olympus Trip 35 (leia o review aqui) da melhor maneira possível. Conversava sobre fotografia analógica com a família quando o sogro do meu irmão exclamou: “Tenho uma máquina parada lá em casa! Vou trazer para você!”. Eis que me surge a Trip, guardada no caixa há quase 25 anos, novinha em folha!

Já tinha ouvido falar desta câmera. O seu sistema de exposição é automático, energizado por uma célula foto-elétrica de selênio instalada em volta das lentes. Você apenas ajusta o foco (quatro posições – 1m, 1,5m, 3m e infinito) e dispara. É uma clássica câmera point and shoot (mire a dispare). Então o que eu havia aprendido de fotografia com a Zenit já era mais que suficiente para esta belezinha de fácil manejo. Basta ajustar o foco, compor e disparar!

Estava viajando, então nem deu tempo de levar a um técnico para verificar o funcionamento. Aparentemente estava em perfeito estado, mas precisava de um teste prático. Carreguei um Kodak Pro Image 200 vencido que havia arranjado e saí atirando, sem me preocupar muito com a composição, apenas para testá-la. Após a revelação, a surpresa: fotos incríveis! Ajuste fácil de foco, exposição automática excelente!

Aí estão os testes:

Pensei imediatamente em utilizá-la com preto e branco. Nada contra cores, mas acho que o filme preto e branco, ao “retirar” as cores, universaliza o objeto e ressalta as formas, tornando a fotografia mais interessante.

Dos filmes P&B que testei o Lady Grey da Lomography foi o que me deu resultados mais satisfatórios. Então peguei um rolo de Lomography Lady Grey 400 que tinha, carreguei na Trip, e saí com ela e a Zenit. Curitiba e Rio de Janeiro foram as vítimas.

Após revelar, eis uma nova surpresa! Com a Trip, o Lady Grey despejou todo o seu contraste, pretos profundos, brancos brilhantes e diversos tons de cinza em belíssimas fotos, que me deixaram não só satisfeito como realmente empolgado! Veja por você mesmo!

Fiquei feliz com a Trip: lentes de ótima qualidade, excelente exposição automática, pequena, discreta e silenciosa. Ótima câmera para fotografias de rua! Mas fiquei maravilhado pela combinação Olympus Trip 35 + Lomography Lady Grey: um belo casal!

written by gregoriobruning on 2012-01-28 #lifestyle #olympus-trip-35-lomography-lady-grey-iso-400-35mm-combinacao-camera-filme-curitiba-rio-de-janeiro-street-foto-de-rua-preto-e-branco-teste-contraste

One Comment

  1. unreveur
    unreveur ·

    Belas fotos! Tenho uma trip e terminei meu primeiro rolo esses dias. Estou ansioso para revelá-la!
    Conheço aquela panificadora da qual você tirou uma foto, no centro de Curitiba. Achei muito bacana! :D

More Interesting Articles