Fisheye No. 2 Ripcurl Edition: Câmera perfeita para sua estadia na cidade

Minha Fisheye No. 2 foi uma das câmeras Lomography que tive, e até hoje continua a ser um das minhas favoritas. Em um feriado recente percebi como ela é realmente ideal para fotografar arranha-céus em NYC.

Créditos: kneehigh85

Eu adquiri uma Fisheye No. 2 bem cedo na minha carreira lomográfica, de uma loja da Urban Outfitters, em Leeds. Naquela época eu não sabia nada da próspera comunidade online onde eu viria a pegar dicas e dicas sobre a minha fotografia. Como resultado, eu só usei para fotografias mais básicas durante o dia, que você pode ver exemplos abaixo.

Créditos: kneehigh85

Quando a Fisheye 2 Ripcurl Edition foi lançada, eu soube imediatamente que eu queria uma, mas eu não poderia justificar uma nova câmera apenas com base no esquema de cores (embora eu não sei porque, eu faço isso o tempo todo!). O corpo da câmera apenas pareceu tão legal, com cada seção de uma cor diferente e na parte traseira com o logotipo Ripcurl. No final, minha câmera Fisheye original quebrou (depois de uma queda por um lance de escadas de concreto) e, embora eu estivesse triste, isso queria dizer uma coisa: eu poderia agora justificar a compra da tão cobiçada edição Ripcurl!

Parece ainda melhor na vida real do que nas fotos, porque a parte de metal do corpo parece muito elegante e as cores são muito mais vibrante do que parecem em uma tela. O único aspecto negativo que eu possa realmente encontrar é que a LSI não parece ter melhorado a situação da tampa da lente. As tampas de lentes em cada fisheye que eu já encontrei (na original e na No.2) são um pouco grandes demais e flexível para ficar na posição. Eu esperava que nas versões posteriores como esta, o problema tivesse sido resolvido, mas infelizmente não. De qualquer forma eu discordo. A câmera tem, obviamente, todas as características da Fisheye original, tais como lentes de 180 graus, distorções engraçadas de rostos e lugares.

Créditos: kneehigh85

O que eu mais gostei desde a obtenção desta câmara, que eu não tive com a primeiro que eu tinha é que eu tenho aprendido muito mais sobre o que ela pode realmente fazer. Eu já tentei sair em uma variedade de cenários e sempre fiquei impressionada com os resultados, que você pode ver abaixo.

Algumas duplas exposições que eu tentei com ela
Algumas longas exposições, em modo ‘B’
Algumas fotos quando emparelhado com o Ringflash Lomography

Eu também estava super feliz quando eu decidi levar esta câmera em minhas férias para NY e fiquei satisfeita com os conselhos oferecidos pela minha cara metade, que foi “use sua Fisheye para olhar para cima.” Isso foi perfeito para a captura de arranha-céus e outros edifícios e estas são algumas das minhas fotos de fim de semana favoritas agora (Shhhh… não conte a LC-Wide!). Eu não posso dar uma nota alta o suficiente a esta câmera visto que ela é tão barata e versátil!

Algumas das fotos de NY que tirei com a fisheye

Fisheye No. 2 tem uma visão de 170 graus angular e distorção de barril deslumbrante. Agora, com hotshoe e uma capacidade múltiplas e longas exposições, a melhor e mais compacta câmera “Fisheye”: http://shop.lomography.com/fisheye-no-2 agora está mais incrível do que você jamais imaginou! Disponível em “diferentes cores e desenhos especiais”: http://shop.lomography.com/cameras/fisheye-cameras.

written by kneehigh85 on 2011-12-19 #gear #review #fisheye-2 #lomografia #ripcurl #camera #edicao-limitada
translated by belaf

More Interesting Articles