Jorge Neto visto sob a lente da LC-A+

1

Jorge Neto, um dos protagonistas do filme Balas & Bolinhos, revela um pouco de si e das suas experiências com a LC-A+.

Jorge Neto é actor e protagonista de um dos maiores sucessos de bilheteira em Portugal, a saga Balas & Bolinhos, onde se desenrolam as aventuras nonsense de Rato, Culatra, Tone e Bino – e que ricas personagens estas!
O terceiro filme desta saga icónica do cinema português estreou no dia 6 de Setembro, e se eu fosse a vocês, corria já para o cinema mais próximo, porque este filme vai deixar-vos muito bem-dispostos!
Este actor, agora nosso LomoAmigo, também é fã da LC-A e mostra-nos algumas das suas experiências com esta pequena maravilha, em fotos exclusivas para a Lomography!
Aproveitámos a maré para lhe fazer umas perguntas e desvendar um bocadinho sobre quem é afinal o homem por trás do Rato, ficando assim a saber o que se passa na vida (e na cabeça) de um dos actores mais divertidos e talentosos do panorama cinematográfico português.
Espreitem abaixo a galeria de fotos e a entrevista!

Jorge Neto, conta-nos quando surgiu o bichinho de seres actor.

O bichinho surge muito cedo, sempre fui de me dar a conhecer e tenho vontade de transformar o que está à minha volta. Às vezes tenho momentos engraçados, outras vezes interventivos, não só em termos do trabalho enquanto actor no Teatro e no Cinema, mas também de uma forma geral ou social. No dia-a-dia, os que me rodeiam têm grande importância na minha vida; assim, ao tentar compreender tudo isso, dei conta da minha intuição e capacidades expressivas. Experimentei ser “actor, mesmo actor” há 12 anos, e venho desempenhando essa função com muita perseverança e trabalho; no meio disto, insisto sempre em pôr algo de mim… e ser tolerante e sentir-me bem.

Conta-nos o teu momento mais divertido com um fã.

Pessoalmente, não tenho muitos momentos divertidos com os fãs porque existe sempre uma ligação com o trabalho da qual preciso de me dissociar; isso leva a que a idolatração passe a ser uma barreira terrível para os dois lados. Mas a nível, digamos… social, um dia, em Janeiro de 2005, estávamos a fazer o lançamento do DVD do Balas&Bolinhos – O Regresso, quando, ao autografar os dvds para um Fã, demos conta – ao abrir o DVD para fazer uma dedicatória na capa – de que o disco era uma cópia pirata…rimo-nos e assinámos aquilo. E o Fã foi todo contente com um autógrafo num DVD pirata de um filme do qual tinha gostado muito.

Qual é a melhor parte do teu trabalho?

Quando saio de lá e olho para a realidade, e vejo que estou mesmo a chegar ali perto com o meu trabalho.
Eu diria que a melhor parte do meu trabalho é o trabalho em si.

Há quanto tempo conheces a Lomografia?

Há muito tempo, mas só conta realmente desde há uns cinco anos atrás, quando pude mesmo experimentar as diversas câmaras e o prazer que é ver o meu dia e os meus momentos e ideias registados de várias formas e cores e formatos… e essencialmente pela espontaneidade de todos eles.

Conta-nos o teu momento fotográfico/Lomográfico mais estranho ou divertido.

O momento Lomográfico mais divertido foi durante um workshop de Lomografia, num sábado à tarde. Chegámos ao jardim em frente ao Mercado Ferreira Borges e andava por ali um cão à solta que começou a manifestar o seu amor por mim de forma muito desenfreada. O cão estava tão impulsivo que conseguiu transformar-nos no centro das atenções e os meus colegas tiveram ali um momento para gastar o filme e assistir e guardar esse momento. Acabámos por fazer umas belas fotos. Foi um momento de pura Magia Lomográfica e de elocução do Amor!

O que se segue no teu calendário, algum projecto novo que possas revelar?

Tenho vários projectos que irão decorrer nas diversas vertentes do meu trabalho como actor, mas só posso fazer uma coisa de cada vez! Será melhor para quem queira seguir o meu trabalho visitar a minha página em www.jorgeneto.comportugal.com

Se pudesses pegar na tua LC-A e num saco de filmes e pudesses ir para qualquer parte do mundo qual seria?

As câmaras Lomo permitem-nos estar em qualquer parte do mundo, e disparar, e ser surpreendido dias depois quando já não nos lembramos, o que contraria a velocidade a que vivemos. Então, se pudesse ir para um local com muita vida e cor, para poder fixar e abrandar o ritmo das pessoas, quanto mais não fosse nas FOTOS… esse local ideal não existe, e se pudesse mesmo seguiria o sol e a lua!

Olhando para as tuas fotos, qual achas que seria a banda sonora ideal para elas?

David Bowie – Let’s dance

Tu és actor e deves ir a montes de festas giras, mas diz-nos, há alguma festa melhor que uma festa da Lomo?

Só há umas festas melhores do que as da Lomo, que são as da minha Mãe e do meu Pai!

Descreve a LC-A em três palavras.

Louca, criativa e autêntica.

Obrigada Jorge por teres estado connosco! Fiquem com o trailer do Balas& Bolinhos…genial!

The Lomo LC-A+ is known worldwide for its amazing features: automatic exposure, extended ISO range, and multiple and long exposure capabilities. Get your own Lomo LC-A+ now!

written by susie_bolha on 2012-09-26 #people #cinema #analogue-photography #lc-a #analogue-cameras #lomoamigo #fotografia-analogica #35mm-films

Thanks, Danke, Gracias

Thanks

We couldn’t have done it without you — thanks to the 2000+ Kickstarter backers who helped support this analogue dream machine the Diana Instant Square is now a reality. Watch out world, this Mighty Memory Maker is coming your way! Did you miss out on the Kickstarter Campaign? Fear not, pre-sale is now on and we have a Diana Instant Square waiting just for you! Pre-order now to pick up your own delightful Diana Instant Square and free Light Painter just in time to snap away those Christmas Carols.

More Interesting Articles