Have an account? Login | New to Lomography? Register | Lab | Current Site:

Um cemitério especial em uma cidade especial

Quando disse que ia a Roma de viagem e perguntei as pessoas que coisas ver, o que menos esperava era que me fossem recomendar ver um cemitério. Digamos que não ando por aí vendo cemitérios, mas falaram tão bem que ficamos com vontade de visitá-lo.

Foto por larahacefotos

O que tem de especial este cemitério que se encontra em Roma? O principal e mais importante é que é um cemitério protestante. Se chama “Cimitero acattolico”. Dentro deste se encontra uma pirâmide, chamada Pirâmide de Cayo Cestio que data do ano 30 a.c. Todo o cemitério está rodeado de uma muralha e está situado em uma pequena encosta nos arredores de Roma. Também é chamado cemitério dos Inglêses, nele são enterrados todos que não são católicos.

Ele possui até mesmo visitas guiadas, para contar-lhe sua história, algo que não se encontra em quase nehum cemitério e já nos diz da importância deste.

Até aqui um pouco da história do cemitério e, agora, o que foi nossa visita. O dia estava curioso. Era nosso último dia em Roma, a manhã se apresentava chuvosa, cinza… melancólica. Que dia melhor para ir a um cemitéiro? Pois exatamente, foi perfeito. O dia deu este toque lugubre ao local, que só de entrar lá já sentias algo de especial, místico. Estava repleto, é claro, de tumbas e cruzes, mas não eram normais, tinham um toque diferente, umas formas completamente distintas das que estamos acostumados.

Ver uma pirâmide dentro de um cemitério, por si só, já impressiona bastante. As tumbas estão entre plantas e árvores, o que lhe faz sentir-se em um local completamente especial e, isso com a chuva criava um clima realmente encantador.

Recomendo a todos que visitem roma que não deixem de ir a esse local, ainda que seja uma manhã, só para sentir seu encanto.

Lomo On!

written by javihacefotos and translated by _rebecca

No comments yet, be the first

Where is this?

Nearby popular photos – see more

Nearby LomoLocations

Read this article in another language

The original version of this article is written in: Spanish. It is also available in: English.